Poldark ~ Seriado


Oi gente!

Quase todos os dias recebo inbox na página do blog no Facebook, de leitores pedindo indicação de séries para assistir, e provavelmente vocês já me viram em alguns grupos falando sobre alguma série que vale a pena ficar de olho...

Então resolvi criar uma tag aqui no blog para falar de séries de tv/internet/streaming ou qualquer outra plataforma... Espero trazer a tag pelo menos uma vez por semana com indicações de séries que eu já assisti e minha humilde opinião sobre as mesmas.

A indicação de hoje, vai para os órfãos de Outlander!

Poldark é uma série com uma pegada diferenciada, talvez um pouco mais realista que Outlander...

A estória se passa no final do século XVIII, quando Ross Poldark volta para a Cornualha depois de passar 3 anos no exército. Voltando para casa ele encontra Elizabeth, seu crush, agora noiva de seu primo e suas terras falidas e endividadas. 

Ah, e a série é baseada nos livros de Winston Graham... A série Poldark conta com 12 livros que trazem a história da família no decorrer dos anos após a volta de Ross. Não, os livros não foram publicados no Brasil, mas estamos de dedos cruzados que alguma editora coloque o olho nessa história! Alô, editoras!?

Curiosx? Então continue lendo o post e conheça um pouco mais da história, o cast e onde assistir!

Mas antes, dá uma olhadinha no trailer:



Aidan Turner como Ross Poldark
Depois de ficar por 3 anos fora e sem dar notícias, a família Poldark já havia dado o jovem Ross como morto, mas o coitado continuava vivinho da Silva... Depois de se recuperar de ferimentos quase mortais infligidos durante a guerra, Ross volta para casa, para a surpresa de uns, esperanças de outros e contrariedade de muitos...

Mas acontece que tudo o que Ross deixou para trás ao se juntar ao exército, estava completamente mudado... Elizabeth Chenoweth, seu crush, agora estava noiva de seu primo e com o casamento marcado. A mina de sua família, que era o sustento de muitos, estava fechada e a cereja no topo do bolo? Suas terras estavam falidas e seu pai tinha deixado dívidas e mais dívidas ao morrer... 

Empenhado em não se deixar abater e a salvar o que restara de sua herança, Ross corre para pagar as dívidas e reverter a situação de suas terras... Mas os maiores empecilhos eram seu coração quebrado e a minha fechada.

É com a ideia de ajudar os aldeões que tinham a função de mineradores como sustento, que ele decide reabrir a mina, mas para isso Ross precisa de capital. Com a recusa de sua família em ajudá-lo, ele parte em busca de investidores. O único problema, é que a mina fora declarada como vazia, ou seja, sem nada para exploração... Como Ross faria para encontrar investidores dispostos a colocar dinheiro em uma mina "falida"?

Nesse meio tempo, temos o drama da família que quer Ross longe da Cornualha por causa de sua antiga associação com Elizabeth... Cara, Elizabeth é uma personagem pé no saco! Ela tem a faca e o queijo na mão, tem suas vontades, mas assim como a maioria das mulheres naquela época, acaba sendo pressionada pelos desejos da família... Então já sabem, né? Não chega a ser um draminha mexicano, mas olha.. Santa indecisão, Batman!

Heida Reed como Elizabeth Chenoweth
Em uma de suas idas à cidade para pagar dívidas e procurar investidores para sua mina, Ross acaba "se metendo" em uma briga e salvando a pele de um jovem garoto... Bem, era isso o que ele pensava. Na verdade, Ross havia resgatado Demelza Carne, a mais jovem de uma penca de irmãos que era praticamente tratada como escrava na família e servia de capacho e saco de pancadas para os irmãos...


Talvez com pena da situação da garota, Ross oferece casa e comida, em troca de trabalho. Coitado, não sabe no que se meteu! Hahahaha. Demelza é uma daquelas personagens indomáveis, cheia de vontades e de atitudes que tanto adoramos... Girl power total! E, na minha opinião, mesmo a série sendo voltada à história de Poldark e sua família, Demelza é a grande protagonista! #TeamDemelza

Eleanor Tomlinson como Demelza Carne
Mas obviamente, nem tudo são flores, como vocês já puderam notar ou deduzir... Ross terá que lidar com muitas questões além das do coração e da mina... No decorrer da história, o jovem Poldark passará por obstáculos e provações, terá adições e perdas, sua história também é regada a amor e traições, e encontrará pessoas tanto dispostas a ajudá-lo quanto a prejudicá-lo, e infelizmente, seus maiores inimigos estão onde ele menos espera...

Além dos três personagens já citados, tem outros três que merecem uma menção, mesmo que pequenininha, nesta postagem:

Ruby Bentall como Verity Poldark
Verity Poldark, a sonhadora e prática prima de Ross, que parece ser a única que realmente ficou feliz com o retorno dele para o mundo dos vivos. Verity é aquela típica personagem dos romances de época que é conhecida como "solteirona"... Embora tenha todo o potencial para ser uma personagem que vive resmungando pelos cantos, ela sempre está disposta a dar conselhos e não sabe ser outra coisa a não ser bondosa, mesmo quando é tratada como o capacho da família.

Kyle Soller como Francis Poldark

Francis Poldark, é o primo com o qual Elizabeth está noiva... Embora você fique com uma certa raivinha do personagem em determinados momentos, é meio que eclipsado pela maneira fútil e manipulável de Francis, tanto pela família quanto pelos amigos. Por algum motivo Francis tem inveja do Ross, e honestamente, não vejo porquê, já que ele vive no bem e bom e ficou com o crush do primo.

Jack Farthing como George Warleggan

E por fim, mas não menos importante para a história, temos George Warleggan... George é um personagem que sempre visa seu próprio benefício e sucesso, mesmo que tenha que acabar com os outros, doa a quem doer, mesmo se forem "amigos". Embora seja irritante ao extremos com todas as suas conspirações e faça você desejar sua morte logo que ele aparece, George é de suma importância para a série! Juro para vocês!

Até o momento a série já tem duas temporadas que foram ao ar... Terminei a primeira temporada amando o Ross, mas em compensação, na segunda eu queria matá-lo! Pois é, pois é... Se você já assistiu, sabe do que estou falando! Embora ele não tenha sido o único com culpa no cartório, foram as ações desmedidas, impensadas e inconsequentes dele que desencadearam toda a cadeia de eventos na segunda temporada...

Para quem quer saber quando a m&rd@ será jogada no ventilador, a terceira temporada já foi gravada e tem previsão para ir ao ar logo mais neste ano (2017). 


Ok, agora vamos falar um pouquinho sobre a questão dos episódios... No decorrer da trama, você percebe como a produção vai melhorando, não que tivesse pouca qualidade ou que a produção não fosse lá grandes coisas, mas acho que as produtoras não gostam muito de investir sem saber exatamente como será o retorno. E o retorno foi tão bom que antes da segunda temporada ir ao ar, a série já havia sido renovada para a terceira! Isso sem falar que a quarte temporada já está à caminho!

Sobre a quantidade de episódios por temporada... Essas série que não são superproduções ou que não têm estúdios famosos por trás, tendem a ter poucos episódios, e é isso o que acontece com Poldark. Cada temporada tem 10 episódios de 40-45 minutos cada um, o que é a média no mundo dos seriados... E honestamente, acredito que por ter poucos episódios por temporada, a história fica bem mais condensada e não tem aquela encheção de linguiça que vemos em muitas séries grandes por aí...


E agora chego na parte que vocês vão querer me matar... Infelizmente a série não está disponível na Netflix (ainda!)... Na gringa, a série vai ao ar na BBC One, e se você fizer aquele truque megamente conhecido no tio Google, é possível que você encontre algum streaming online... Ou se você for rata das séries como eu e quiser arriscar seu cursinho de inglês, sempre tem o bom e velho torrent salvando o dia...

Mas você deve estar se perguntando: vale a pena?
E eu respondo: sim, e muito! A estória é envolvente, faz você torcer pelos personagens, que também não te desapontam... Ok, talvez algumas vezes, mas isso faz deles mais "reais". Poldark conta com reviravoltas e fortes emoções, isso sem falar em alguns momentos que você fica pensando: whaaaaat?

Bem, essa é a minha opinião, mas já falei com algumas pessoas que simplesmente não conseguiram gostar da série, justamente porque assistiram logo após Outlander, só que obviamente não podemos comparar com Outlander, porque né... Outlander tem um espaço mega especial em nossos corações. Mas na falta de Jamie Fraser, podemos encontrar em Poldark um bom substituto enquanto nossos escocês ruivinho do amor não volta...


Alguns de vocês devem estar se perguntando: "Outlander?"

Pois é, eu sei que ainda não falei de Outlander aqui no blog, mas vou precisar de um tempinho para preparar um post de apresentação que faça jus à uma série tão maravilhosa que, assim como Poldark, é uma adaptação literária... Mas calma que logo já venho falando do Jamie e da Claire para vocês!

Espero que tenham gostado, e deixem comentários sobre o que acharam, se já assistiram e essas coisas...

Beijos,
Mari.

3 comentários

  1. Mariiiii, ameiii!!! Não sabia dessa série. Adorei a ambientação e o enredo. Anotei a sugestão e vou procurar no google da vida, já que não tem no Netflix ainda :(

    www.papuff.com

    ResponderExcluir
  2. Geente, estou apaixonada sem nem ter começado a assistir ainda, rs. Já vou procurar um meio para assistir e espero curtir bastante viu. Ter poucos episódios por temporada é muito bom, porque olha, tem cada enrolação por aí. Muito obrigada pela dica viu.

    Beijos, Gabi
    Reino da Loucura

    ResponderExcluir
  3. Adorei!!! Só que na segunda fiquei com raiva do Ross, nem acreditei no que aconteceu, mas aí no final da temporada pareceu que tinha se redimido...assisti o primeiro episódio da terceira e não curti muito, já deu essa palhaçada dele com a Elizabeth, pensei que tinha sido uma conclusão verdadeira, algo que precisava acontecer para perceber que era uma ilusão criada por nunca ter vivido, mas que o coração percebeu quem realmente ama e no fim... sempre parece que volta para o mesmo lugar, tô torcendo para ela morrer kkkkk ou a esposa dele ir embora de verdade para ele aprender de uma vez quem é o amor da vida dele.

    ResponderExcluir