Gregg Hurwitz - Órfão X


O livro de hoje é para lá de diferente do que estou acostumada a resenhar aqui no blog...

"Órfão X" nos traz a história de Evan Smoak, uma mistura de James Bond (007), Jason Bourne com uma pitada de 'O Protetor'. Ele é um ex-agente, recrutado ainda pequeno para fazer parte de um programa ultrassecreto e se tornou um dos melhores matadores de elite do governo americano.

Mas depois de virar as costas para o programa, agora Evan ajuda pessoas que estão necessitadas. Só que ele não imaginava que ao ajudar alguém, também se tornaria um alvo...
"Você precisa da minha ajuda?

Esta era a primeira pergunta que ele sempre fazia. Eles o procuravam quando não tinham ninguém mais a quem recorrer.

Quando garoto, Evan Smoak foi recrutado no orfanato onde vivia para fazer parte de um programa americano ultrassecreto. Rebatizado de Órfão X, ele foi treinado para ser um exímio assassino e enviado aos piores lugares do mundo para missões que ninguém mais conseguia executar.

Depois de longos anos de atividade, Evan deixa o programa e usa as habilidades de agente secreto para "desaparecer" e viver para um único propósito, agora sob o codinome de Homem de Lugar Nenhum: salvar e proteger pessoas humildes e indefesas como ele próprio havia sido.

No entanto, seu passado de matador sangrento passará a assombrá-lo e também a seus protegidos. Alguém tão bem treinado quanto ele - talvez um ex-colega de programa? - está na sua cola."

Evan Smoak é um dos homens mais controlados e disciplinados que eu já vi no mundo literário... Tudo isso é um reflexo de sua criação. Quando pequeno e órfão, ele fora escolhido para participar de um programa ultrassecreto do governo americano e veio a se tornar um dos melhores agentes do programa.

Mas depois de alguns acontecimentos, que o autor vai revelando no decorrer do livro, Evan abandonou o programa e usa suas habilidades para ajudar pessoas em situações desesperadoras... Tudo o que a pessoa tem que fazer é para ligar para seu número (irrastreável), ao qual ele atendia com a simples frase "Você precisa da minha ajuda?" e voilá! No fim, tudo o que a pessoa tinha que fazer era encontrar alguém que precisasse desesperadamente de ajuda e repassar o número. Só isso, sem pagamento.

Logo Evan está partindo para sua próxima missão: Morena Aguilar e sua irmãzinha... O trabalho rápido e fácil, nada como o qual Evan não estivesse acostumado. Então Morena parte com a promessa de repassar o número de Evan, e adivinhem: o telefone de Evan não demorou a tocar.

A rapidez com que o telefone tocou, deixou o ex-agente um tanto quanto desconfiado, mesmo com as informações "corretas", os sentidos de Evan ficaram em alerta máximo. E não era por nada... Logo que o "Homem de lugar nenhum" foi se encontrar com sua próxima cliente, acabou por se ver no meio de uma situação para lá de complicada.

Após um ataque ao se encontrar com a nova cliente, Evan acabou por ganhar um belo alvo nas costas, ou é isso o que ele pensa. Mas será que foi apenas coincidência? Seus instintos gritam por respostas, e é aí que o passado volta à bater em sua porta...

Embora ele fosse uma pessoa fechada e solitária, o autor mostra o contraste do seu "trabalho" com a sua vida pessoal. Enquanto estava ajudando seus "protegidos", ele era implacável, frio e metódico, e por mais que tentasse levar isso para a sua vida pessoal, não era bem isso o que acontecia na prática.

Acredito que Evan tem manias beirando ao TOC (Transtorno Obsessivo Compulsivo) no que diz respeito à sua casa, e no decorrer do livro vemos várias situações que corroboram isso. Tudo é estéril em seu apartamento, menos a parede viva que ele mantém na cozinha... Mas a respeito de ser solitário? Bem o prédio onde ele mora não ajuda muito. É engraçado ver como Evan tenta se esquivar dos vizinhos mexeriqueiros, se portando todo polido, enquanto na verdade é uma máquina mortífera... Hahahahah

Pense numa mistura de James Bond (007), Jason Bourne com uma pitada de 'O Protetor' (vide filme)... Pronto, aí você tem a essência de Evan Smoak... Acredito que para uma maior compreensão do personagem, que me lembrou alguns da Marvel e DC Comics, podemos ter mais livros vindo por aí. Afinal, o leque de possibilidades é bem grande!

Como disse, foi uma leitura para sair da rotina. O livro é bom, o enredo é bem bolado, Evan Smoak e os outros personagens prendem você do começo ao fim, e a cereja do bolo é a ótima qualidade da escrita de Gregg Hurwitz.
Vocês pode encontrar o livro para comprar nos seguintes sites: AmazonAmericanasCasas BahiaCulturaExtraPonto FrioSaraivaSubmarino.

Outros links: Skoob Goodreads


Espero que tenham gostado.


Beijos,

Mari.

0 recadinhos :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...