Amy Harmon - Infinito + Um



Amy Harmon já é conhecida aqui no blog... Já postei a resenha de Beleza Perdida (clique aqui), um romance contemporâneo bonito e tocante.

Agora, a editora Verus no presenteia com mais uma obra da autora, seguindo a linha tocante que já é marca registrada de Amy Harmon.

Em 'Infinito + Um', conheceremos Bonnie, uma cantora que tinha tudo mas estava cansada de viver, e Clyde, que só quer uma chance na vida.

Nesta 'releitura' da história dos famosos Bonnie e Clyde, nossos personagens homônimos vão embarcar numa viagem conjunta de autoconhecimento. Mas será que isso vai ter um fim melhor do que o dos seus infames xarás?
"Bonnie Rae Shelby é uma estrela da música. Ela é rica, linda e incrivelmente famosa. E quer morrer.

Finn Clyde é um zé-ninguém. Ele é sensível, brilhante e absurdamente cínico. E tudo o que ele quer é uma chance na vida.

Estranhas circunstâncias juntam o garoto que quer esquecer o passado e a garota que não consegue enfrentar o futuro. Tendo o mundo contra eles, esses dois jovens, tão diferentes um do outro, embarcam numa viagem alucinante que não só vai mudar a vida de ambos, como pode até lhes custar a vida.

Infinito + Um é uma história sobre fama e fortuna, sobre privilégios e injustiças, sobre encontrar um amigo por trás da máscara de um estranho - e sobre descobrir o amor nos lugares mais inusitados."

Bonnie Rae Shelby é uma jovem cantora que está estourando nas paradas e sua carreira é cada vez mais de sucesso... Diversos fatores contribuem para que a mocinha não esteja feliz com a vida. Mas com certeza o que pesou muito na história, foi a perda da irmã gêmea e as maquinações da avó interesseira e super controladora.

Até que um dia toda essa neve acumulada causa uma avalanche emocional e Bonnie decide tomar uma decisão, mas o que ela não sabia, era que naquela mesma noite seu caminho cruzaria com o de Finn.

Finn Clyde é um gênio da matemática e tinha um futuro promissor, mas infelizmente ele acabou condenado por tabelo pela inconsequência do irmão. Agora, ele estava deixando o passado para trás e seguindo para Las Vegas para encontrar um amigo que lhe oferecera um trabalho no cassino onde era gerente. Mas ao passar por uma ponte, algo chamou sua atenção. Mal sabia ele que sua vida estaria prestes a mudar para sempre.

Finn encontra Bonnie em um momento crucial... E foi assim que Bonnie se juntou à ele no caminho até Las Vegas. Os dois não poderiam ser mais diferentes: ela, avoada e sem noção do perigo, e ele, discreto e responsável. E nessa viagem de carro dos dois, muitas coisas acontecem...

A começar por Finn tentar manter Bonnie anônima, afinal, com tudo o que escutavam em relação ao sumiço da estrela pop, a última coisa que ele queria era chamar atenção para eles... Bonnie Rae Shelby era sinônimo de problema, e isso Finn descobriu no primeiro momento em que a encontrou.

Mas essa viagem também ajudou os dois a se conhecerem melhor, não só a si mesmos mas também um ao outro. Foi bonito ver como eles cresceram no decorrer do livro, amadureceram, tomaram decisões, embora por parte de Bonnie, a maioria foi impulsiva.

E conforme eles vão passando pelas cidades em direção ao destino, suas histórias vão sendo contadas, de maneira aumentada e distorcida, pela imprensa sensacionalista que os compara com o infame casal Bonnie e Clyde. Essas 'matérias' antecedem cada capítulo, como um tipo de prólogo, foi uma ótima sacada da autora, ficou realmente legal!

Bonnie e Finn enfrentam problema atrás de problema, quando você pensa que vai dar tudo certo e finalmente eles terão uma pausa, lá vai a Bonnie e faz uma cagada... Olha, honestamente, Finn tem uma paciência infinita (sim, estou fazendo alusão ao nome do personagem: Infinito).

A trama é complexa, mas acima de tudo triste, mas de alguma maneira consegue puxar mais para o romance do que para o drama... Bonnie e Finn são duas metades, mas sem suas metades e encontram um no outro, outras metades. E embora um ajude o outro a superar e a melhorar, tem gente que não fica muito contente com o rumo do relacionamento dos dois...

'Não tenho como opinar' se prefiro este livro ou 'Beleza Perdida'... Embora sejam histórias diferentes, ambas são tocantes e bonitas. Algumas amigas falaram que preferiram um, outras que preferiram outro, mas o fato é que, se você leu qualquer um deles e gostou, garanto que você também gostará do outro.
Vocês podem encontrar o livro para comprar nos seguintes sites: Amazon, Americanas, Casas Bahia, Cultura, Extra, Ponto Frio, Saraiva, Submarino.

Outros links: Skoob e Goodreads
                                                                  ~*

Confira também a resenha de Beleza Perdida, outro livro da autora Amy Harmon, clicando aqui.

Espero que vocês tenham gostado.

Beijos, 
Mari.

0 recadinhos :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...