Maya Banks - Surrender 01 - Rendição

Oi pessoal!

Hoje trago ao blog mais uma trilogia da Maya Banks!

Diferente da trilogia Breathless, a trilogia Surrender se joga no mundo da submissão, da exploração dos desejos e prazeres...

Começamos com a história de Josslyn e Dash. Ela é uma mulher que nunca pôde pedir ao seu marido o que realmente queria, quando ele estava vivo. Dash é um homem assombrado por desejar a mulher de seu falecido melhor amigo.

Quando ela finalmente decide seguir em frente com sua vida, Dash entra em pânico, mas o destino colocará Joss de volta em seu caminho, e será ele quem estará segurando sua mão ao iniciá-la neste novo mundo...
"Josslyn encontrou a perfeição uma vez, e ela sabe que não vai encontrá-la novamente. Viúva, ela procura a única coisa que seu amado marido, Carson, não pôde dar a ela: dominação. Solitária e em busca de uma saída para seu luto, Joss encontra um clube exclusivo, que recebe pessoas a fim de realizarem suas fantasias mais hedonistas. Ela nunca imaginou que encontraria lá o único homem que tem sido, por muito tempo, sua fonte de conforto e desejo secreto - Dash, o melhor amigo de Carson.
Dash viveu uma situação insustentável por anos, apaixonado pela esposa de seu melhor amigo, mas disposto a reprimir essa atração. Quando Dash encontra Joss em um clube dedicado aos mais obscuros limites do desejo, ele fica furioso, porque acredita que ela não tem nenhuma ideia de onde está se metendo. Mas Joss explica em detalhes o que ela quer, do que ela precisa, e então Dash é tomado por uma determinação feroz e inabalável. Se ela quer dominação, ele é o único homem que vai apresentá-la a esse mundo. O único que vai tocá-la, apreciá-la... amá-la. E o único a quem ela vai se submeter para sempre."

Uma das características da escrita da Maya Banks que eu gosto, é que ela não escreve em primeira pessoa, mas mesmo assim ela consegue mostrar ao leitor com claridade o que os seus personagens estão sentindo ou pensando. Na trilogia Breathless foi assim, e nessa, Surrender, também é.

Josslyn é uma jovem viúva, que no terceiro aniversário do falecimento de seu amado marido, Carson, resolve virar a página, seguir em frente com a sua vida, e o primeiro passo é se libertar das amarras que ainda a prendem ao marido. Começando, ela resolve libertar Dash, melhor amigo de Carson, e seu ombro amigo, do fardo de aguentá-la choramingando, algo que ele não recebeu muito bem. Depois é hora de procurar o que sempre quis, mas que seu marido nunca pôde lhe dar e que ela nunca teve coragem de lhe pedir em função de seu passado: dominação.

Com a decisão tomada, ela resolve se abrir com suas melhores amigas, Kylie e Chessy. Kylie se ressente um pouco com a decisão de sua cunhada, levando em consideração seus traumas de infância, já Chessy, que está nesse mundo, ajuda a amiga com orientações. Mas quando Joss finalmente decide colocar o plano em prática em um clube exclusivo, ela encontra a pessoa que menos espera: Dash.

Dash fica possesso ao encontrá-la no clube, acreditando que ela não sabe o que estava fazendo. Uma boa conversa entre os dois rende à Dash o que ele sempre sonhou, o que ele sempre quis, e perceber que Joss realmente queria aquilo, apenas o deixou ainda mais certo do que precisava fazer. 

Já que ela queria explorar seus prazeres, ele seria o único que lhe encaminharia nesse mundo. Com o acordo, os dois começam a relação de dominação e submissão, e Joss foi presenteada com o que sempre quis. E a coisa pega fogo meu povo!

Embora as coisas estivessem ótimas entre o casal, Carson ainda é muito presente nos pensamentos e sonhos de Joss, e para Dash era hora de deixá-lo completamente para trás. Mas as coisas acabam saindo do controle e Dash fez a única coisa que jurou nunca fazer: magoar Joss.

Achei esse livro paradão em grande parte. Demorou muito para se desenvolver... Claro que as cenas quentes são de pegar fogo, mas mesmo assim... Parece que a autora se perdeu na metade do livro e quando viu que já não teria mais conteúdo para desenvolver, decidiu apressar o final. Se a Maya Banks tivesse colocado no decorrer do livro a quantidade de ação que acontece no final, seria uma leitura mais interessante...

Apesar disso, gostei do livro, mas espero que com o segundo livro a autora me prenda mais, porque pelo que foi visto neste primeiro livro, a mocinha do segundo, a cunhada da Joss, é mais torturada e traumatizada, então tem muito mais história que pode ser bem desenvolvida.

Eu adoro a Maya Banks, mas honestamente, ela não consegue me ganhar com esse gênero hot hot hot... Estou louca para que uma editora compre a série KGI dela!
Vocês podem encontrar o livro para comprar nos seguintes sites: Amazon, Americanas, Casas Bahia, Cultura, Extra, Fnac, Ponto Frio, Saraiva, Submarino.

Outros links: Skoob e Goodreads
                                                                    ~*~


Abaixo está a listagem da trilogia para quem quiser acompanhar. O segundo livro tem previsão para lançamento agora em março. Já para o terceiro e último livro, ainda não foi liberada nenhuma informação.

           * Livro 1 - Letting Go - Rendição
           * Livro 2 - Giving In - Submissão
           * Livro 3 - Taking It All

Beijos,
Mari.

0 recadinhos :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...