J.R. Ward - Irmandade da Adaga Negra 06 - Amante Consagrado

Depois de conhecermos a história de Z., agora chegou a vez de seu irmão gêmeo nos contar o seu lado.

Phury chega como um salvador atormentado, que nunca desistiu da busca por seu irmão e que sempre tenta fazer o correto pelos outros mesmo que isso possa causar a sua destruição e agora se vê no papel do Primaz do Outro Lado.

Cormia é a Escolhida que foi selecionada para ser a Primeira Escolhida do Primaz, mesmo contra sua vontade ela fará o que for melhor para suas irmãs. Mas ao passar um tempo conhecendo Phury ela já não está mais tão certa de que o papel de Primeira Escolhida será tão ruim.


Aviso: Se você não leu o primeiro livro da série, cuidado pois o post abaixo pode conter, e provavelmente terá, spoilers! Mas se você é como eu, que adora um spoiler, vá em frente! :)

"Nas sombras da noite de Caldwell, Nova York, desenvolve-se uma furiosa guerra entre os vampiros e os seus assassinos. Há uma Irmandade secreta, sem igual, formada por seis guerreiros vampiros, defensores de sua raça. E agora, um Irmão obediente deve escolher entre duas vidas... 

Ferozmente leal à Irmandade da Adaga Negra, Phury se sacrificou pelo bem da raça, convertendo-se no macho responsável por manter a linhagem da Irmandade. Como o Primaz das Escolhidas, ele será o pai dos filhos e das filhas que assegurarão que sobrevivam as tradições da raça, e, que haja guerreiros para lutar contra os redutores. 

Como sua companheira, a Escolhida Cormia quer ganhar não só o corpo, mas também o coração de Phury para si... Ela vê o guerreiro emocionalmente deteriorado atrás de toda sua nobre responsabilidade. Mas enquanto a guerra com a Sociedade Redutora se torna mais severa, uma grande tragédia abate a mansão da Irmandade e Phury deve decidir entre o dever e o amor."
Eu não sei vocês, mas eu achei esse livro do Phury bonito, mas com um quê de novela mexicana. Temos todos os ingredientes para isso: o mocinho heroico, a mocinha sofredora, o vilão... E por mais que eu adore essas tramas, demorei mais do que o normal para ler esse livro. O motivo? Muita coisa para assimilar! Então vamos começar do começo...

Phury se mostra como um personagem atormentado por seus próprios demônios, no caso, o Mago. Viciado em fumaça vermelha, Phury tenta abafar as demandas do Mago, mas ultimamente não tem obtido muito sucesso. Além disso, o Phury também tem que lidar com seu irmão gêmeo, Zhadist, um ex-escravo de sangue. Mas nos últimos meses, seu zelo pelo irmão já não é mais tão necessário, pois Bela conseguiu em pouco tempo o que ele demorou décadas e mesmo assim nada tão expressivo quanto o amor de Bela.

E por falar em Bela, vemos desde o 3o livro da série que Phury nutre uma paixão por ela, mesmo que platonicamente. E tal questão foi o que o levou a se voluntariar à ser o Primaz no lugar de Vishous, afinal, ele não tinha uma shellan e precisava ficar um pouco afastado de Bela. E foi assim que seu caminho se cruzou com o de Cormia.

Escolhida dentre suas irmãs para ser a Primeira Escolhida do Primaz, Cormia não estava muito confortável com a sua situação, deixando tão visível que Phury a levou para passar um tempo com ele para que ela se acostumasse à sua presença. Tendo vivido toda sua vida no Outro Lado, o mundo da Irmandade era completamente novo e amedrontador para Cormia.

E assim passa o tempo, mas em vez de se aproximarem, os dois acabam se afastando. Phury vai para um caminho de auto destruição e Cormia começa a descobrir suas habilidades no mundo em que a Irmandade vivia. E quando chegou a hora em que eles não poderiam mais protelar a decisão, Phury surge mais uma vez como salvador e faz o que acreditar ser o melhor para Cormia, mesmo que não seja o melhor para si.

E aqui é onde começa todo o 'calvário' dos dois por assim dizer, o isolamento e distanciamento de tudo e de todos, os sentimentos que eles não sabem como expressar...leia-se: novela mexicana. Gente, quando eu falo 'novela mexicana' não digo de forma pejorativa, ok? Eu realmente adoro uma boa novela mexicana. hahahah

Achei interessante o fato de que temos inversões de papéis entre os gêmeos Phury e Zhadist. Em 'Amante Consagrado' Phury se mostra muito mais sombrio, muito mais destrutivo que Zhadist, apesar de Phury ser o mais gentil dos dois. Só que aqui quem se mostra o mais preocupado em relação à um irmão é Z., acho que por ele já ter estado nesse mundo sombrio e por considerar Phury como sua luz (além de Bella e Nalla, claro), ele tem medo de que o irmão possa não aguentar. Então não preciso dizer fiquei tensa do começo ao fim do livro, né?!

Além dessa parte sombria de Phury, o que me surpreendeu também foi Cormia. No livro de Vishous eu achei que a personagem dela não ia dar em muita coisa, apesar da autora já ter dado dicas de quem ela seria par. Perceber que as Escolhidas têm vontade própria foi o que eu mais achei legal, tipo, fica claro que a Virgem Escriba teria que fazer algumas concessões em relação ao novo Primaz e suas Escolhidas...

 
Vocês podem encontrar o livro para comprar nos seguintes sites: Americanas, Casas Bahia, Cultura, Extra, Ponto Frio, Saraiva, Submarino.

Outros links: Skoob e Goodreads
                                                                  ~*

Para os que não conhecem a série da J.R. Ward, a Irmandade da Adaga Negra é composta, até o momento por 12 livros, sendo que o último foi lançado nos EUA há pouco tempo, além de um Guia Oficial da Série, onde temos algumas surpresinhas, como o conto do nascimento de Nalla e entrevistas com os personagens dos livros.

Abaixo está a listagem da ordem de leitura dos livros.

               * Livro 01 - Dark Lover - Amante Sombio
               * Livro 06 - Lover Enshrined - Amante Consagrado
               * Livro 07 - Lover Avenged - Amante Vingado
               * Guia Oficial da Série - Irmandade da Adaga Negra
               * Livro 08 - Lover Mine - Amante Meu
               * Livro 09 - Lover Unleashed - Amante Libertada
               * Livro 10 - Lover Reborn - Amante Renascido
               * Livro 11 - Lover at Last - Amante Finalmente
               * Livro 12 - The King - O Rei

Em relação ao último livro, O Rei, a Universo dos Livros, editora que está publicando a série aqui no Brasil, já informou que o lançamento do 12o livro será em agosto deste ano na Bienal do Livro em SP! Oba!

Espero que vocês tenham gostado.

Beijos, 
Mari.
Capa original

0 recadinhos :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...