Sylvain Reynard - O Inferno de Gabriel 03 - A Redenção de Gabriel

Olá meu povo!

Depois de muito roer as unhas, de muito ranger de dentes, de muito choro e de uma paciência infinita, finalmente chegou a resenha mais esperada!

É com muita felicidade e tristeza que venho escrever sobre o 3o e último livro da trilogia do nosso amado e estimado Professor Gabriel Owern Emerson e de sua musa Julianne, agora Emerson também!

Com um começo conturbado, Gabriel como professor e Julia como sua aluna no 1o livro, e dos problemas que o casal enfrenta no 2o livro, finalmente vamos ver o que acontece com o nosso casal fofura quando a realidade bate à porta.

Depois dessa espera quase que interminável, Sylvain Reynard nos presenteia com esse belíssimo fechamento. Vou sentir saudades.

Você leu os 2 primeiros livros? Pelo sim ou pelo não, vá com cuidado, pois o post abaixo provavelmente contém SPOILERS!

"Parecia que eles seriam felizes para sempre. Mas toda relação tem seus conflitos.

Depois do escândalo em que se viram envolvidos em Toronto, Gabriel e Julia se casaram e se mudaram para Massachusetts, onde ele dá aula na Universidade de Boston e Julia faz doutorado em Harvard. Agora ela precisa provar que não vive à sombra do marido famoso.

Mas parece que Gabriel não está pronto para ver a esposa caminhar com as próprias pernas. Quando ela é convidada a dar uma palestra em Oxford, surge seu primeiro conflito: a linha de pesquisa dela diverge da teoria dele.

Durante a conferência, os dois são obrigados a confrontar antigos rivais, entre eles a incansável Christa, que, ainda determinada a humilhar Julia, ameaça revelar um dos segredos mais obscuros de Gabriel.

Além disso, as coisas entre eles não vão muito bem. Isso porque Gabriel está ansioso para ter um filho, mas Julia quer concluir o doutorado primeiro.

Para ver realizado seu sonho de formar uma família, Gabriel terá que enfrentar fantasmas do passado. Será ele capaz de fazer isso? E será que a generosidade de Julia resistirá à ameaça de ver arruinada a carreira que ela tanto se esforçou para construir" 

Só para avisar: este post foi montado conforme eu lia o livro, ou seja, provavelmente grandinho, então preparem os olhos, as unhas e lá vamos nós!

Entre o final de 'O Julgamento de Gabriel' e 'A Redenção de Gabriel', temos uma passagem de tempo de 6 meses. Grande parte do que acontece na primeira parte do livro é a adaptação de Gabriel e Julianne como casal. Então temos ele em seus excessos de proteção e 'eu sei mais' enquanto que Julia quer começar a andar com seus próprios pés, não querendo ficar à sombra de Gabriel, querendo construir sua própria carreira.

Temos pessoas que voltam do passado, e de um passado não muito distante. Christa Peterson, a vaca, reaparece, então esperem por momentos de tensão, nos quais vocês irão soltar uns xingamentos. Paul também volta, e com ele, temos alguns confrontos e caras rabugentas por parte de Gabriel.

Quando Julia apresenta a palestra que ela tanto se dedica logo nos primeiros capítulos, eu juro para vocês, que me deu flashback do meu TCC. Temos alguns momentos de tensão e outros de incredulidade. Além disso, também temos: Paul vrs Gabriel, Christa vrs Gabriel, e Christa vrs Julia (cat fight!)

Parece que a palavra 'filhos' é a ordem desse livro. Tudo começa, como vocês viram em outros posts aqui no blog, quando Gabriel fica com essa ideia fixa na cabeça, sobre reverter a vasectomia, etc. E a apreensão de Julia em não cender ante a pressão de Gabriel.

Mas não só filhos, a família surge em vários aspectos do livro. A descoberta da família de Gabriel, as novidades da família de Julia, e também os amigos.

Vemos como eles lutam contra seus medos e seus fantasmas. Acho que isso foi o que mais deixou real os personagens. Os problemas que eles enfrentam, são aqueles que é possível que qualquer um possa enfrentar. Mas a maneira como eles lidam juntos com os problemas, foi o mais memorável.

Posso dizer que a leitura do livro foi enervante, definitivamente não de ruim, mas honestamente, foi muito difícil saber o que aconteceria em seguida. 'A Redenção de Gabriel' é totalmente diferente daquelas trilogias que são mega previsíveis, que você já sabe o que vai acontecer antes mesmo de acabar o 1o capítulo. A cada página uma nova surpresa.

Estou me segurando para não contar partes do livro, e relendo tudo o que escrevi para ter certeza de que não coloquei o que não devia! Hahahah, mas está difícil. 

Acho que o título do livro é o mais fiel à história do que os anteriores. Afinal, a redenção não é apenas de Gabriel, mas isso vocês vão ver quando lerem o livro!

Fortes emoções caros leitores e leitoras, só queria que a Grace estivesse viva para ajudar esse povo! Com certeza ela teria a solução para muita coisa!

Houve um momento que eu realmente achei que o autor ia estragar o livro. Lágrimas, ranger de dentes e muitos "Que filho da #@£*!!". Já estava pensando na mensagem que iria mandar para o autor, haha. Mas tudo bem, o negócio foi respirar fundo e continuar a leitura. Tive que me policiar para não correr e me adiantar na leitura. Agonia define!

Mas o livro, sem dúvidas, compensou a diminuição das minhas unhas e DEFINITIVAMENTE valeu a pena esperar. Só que para a nossa tristeza, esse é o último livro. Apesar da leitura ser lenta, não queria que acabasse tão rápido, mas tudo bem, sempre podemos reler os livros! 

Foi o melhor desfecho que Sylvain Reynard poderia ter dado ao Sr. & Sra. Emerson. Mas a gente sempre fica querendo mais e eu acho que o autor poderia ter nos presenteado com um epílogo. 
Mas engana-se quem pensa que acaba por aí. De acordo com o autor, o Professor fará aparições no próximo livro de Sylvain: The Raven.

Segue sinopse traduzida, que vocês podem encontrar em inglês aqui

"Raven Wood passa seus dias na Galeria Uffizi em Florença restaurando obras de arte da Renascença. Mas uma caminhada inocente depois de uma noite com os amigos muda sua vida para sempre. Quando ela intervem em uma ataque contra um morador de rua, seus atacantes se viram para ela, levando-a para um beco. Raven está apenas semi-consciente quando o ataque é interrompido por uma cacofonia de rosnados seguidos pelos gritos de seus atacantes. Felizmente, ela desmaia, mas não antes de ter uma visão de uma sombra que sussurra para ela...

"Cassita vulneratus".

Quando Raven acorda, ela está inexplicavelmente mudada. Ela volta para a Galeria Uffizi, mas ninguém a reconhece e o mais perturbador, ela descobre que sumiu por uma semana inteira. Sem se lembrar dos eventos que culminaram no seu desaparecimento, Raven também compreende que seu sumiço coincide com um dos maiores roubou da Uffizi – o roubou de uma série inestimável de ilustrações de Botticelli. Quando a força policial a identifica como principal suspeita, Rave está desesperada para limpar seu nome. Ela procura um dos homens mais ricos e esquivos de Florença em uma tentativa de descobrir a verdade sobre seu desaparecimento. O encontro deles leva Raven ao mundo obscuro cujos habitantes matam para manter seus segredos."

Gostei, mas como o prórpio Sylvain Reynard falou, ainda não há previsão para o lançamento. O que vocês acham que conecta a série do Sr & Sra. Emerson com esse novo livro? Eu já tenho uma ideia!
O livro 'A Redenção de Gabriel' está na pré-venda, com lançamento dia 14 de fevereiro. Vocês podem adquirir o livro pelos seguintes sites: Extra, Ponto Frio, Submarino, Americanas, Fnac, Saraiva.

Outros links: Skoob e Goodreads

Você também pode encontrar abaixo o que já foi postado sobre a série, inclusive os primeiros capítulos de 'A Redenção de Gabriel' que foram liberados por Sylvain Reynard.

* Sylvain Reynard - A Redenção de Gabriel - Mais um trechinho!

Espero que vocês tenham gostado.

Beijos,
Mari.

3 recadinhos :

  1. Oi,se lançará apenas em 2014, me diz c vc teve acesso, por favor?Quero devorar esse livro :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Karla! Então, eu consegui porque uma amiga minha estava na gringa e trouxe pra mim o livro em inglês. :)

      Excluir
    2. Li e tbm surtei no final...tive uma sensação tão intensa de agonia e desespero que pensei q tava passando mal de vdd.Estou contente por dar adeus ao Professor e sua Beatriz da forma como o autor concretizou.Tenho lido mtos Newadult, em sequencia, sinto q preciso me abrir e me aventurar em outros horizontes.Farei uma lista de obra clássicas,inclusive, pretendo ler A divina Comédia.Gostei da resenha.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...