Cassandra Clare - Os Instrumentos Mortais - 05 - Cidade das Almas Perdidas

Oi gente!

Estou aqui com o 5o e penúltimo livro da série Instrumentos Mortais da Cassandra Clare. (Assim espero!) Ou seja, vocês não vão me ouvir falar (ler) sobre essa série num futuro tão próximo! 

Confesso que até eu já estava ficando impaciente com esses livros. A série é legal, mas eu queria ler outras coisas! Haha! Tenho tanto livro na minha penteadeira, que a coitada daqui a pouco vai quebrar!

Então, paramos no 4o livro quando Jace é 'raptado' por Sebastian. E claro, como eu já tinha previsto, viriamos a ver/ler mais sobre ele nos próximos livros. E não me enganei.

Aos desavisados, a autora continua com aquela fórmula de dividir o enfoque principal da trama com os outros personagens. Mas por incrível que pareça, esse livro foi menos cansativo que o anterior.
"Quando Jace e Clary voltam a se encontrar, Clary fica horrorizada ao descobrir que a magia do demônio Lilith ligou Jace ao perverso Sebastian, e que Jace tornou-se um servo do mal. A Clave decide destruir Sebastian, mas não há nenhuma maneira de matar um sem destruir o outro. Mas Clary e seus amigos irão tentar mesmo assim. Ela está disposta a fazer qualquer coisa para salvar Jace, mas ela pode ainda confiar nele? Ou ele está realmente perdido?"

O livro começa com um pulo de tempo de duas semanas, diferente do anterior que pulou  umas seis semanas. Mas tudo bem, até aí sem problemas. Nada do que reclamar. Se não fosse pelo fato de você querer saber ONDE ESTÁ O JACE! E honestamente, não aguentava mais a Clary meio como uma zumbi, estilo 'Bella' quando o Edward some por meses...

Como eu tinha dito antes, a autora continua com aquele esquema de dividir o enfoque do livro com os outros personagens, mas sério, com todo mundo brincando de 'Onde está Wally' com o Jace e o Sebastian, a última coisa que eu vou querer saber, é qual encharpe que o Magnus vai escolher! Mas... Não sei se eu que me acostumei com essa nova divisão ou se a Cassandra que deu uma mudada, mas eu achei esse livro bem menos cansativo que o anterior, o Cidade dos Anjos Caídos.

Simon, novamente volta a ter um papel de destaque na trama, afinal, com sua Marca de Caim, o cara é praticamente indestrutível. Mas, como nem tudo que brilha é ouro, ele se afasta da família e acaba indo morar com Jordan. Mas esse status de indestrutível pode estar com os dias contados. E falando em vampiros, Camille que aparece no 4o livro, também tem um desenrolar diferente, afinal, quem desconfiaria da pequena Maureen, a que era apaixonada por Simon?

Apesar de Simon já ter se resolvido com Maia, Isabelle é outra história. Com o sumiço de Jace, Simon acaba ficando mais tempo com Clary, apoiando-a, Isabelle diz que entende, mas nós mulheres sabemos o que realmente significam essas palavras, certo? Mas Isabelle não, afinal, ela nunca precisou de ninguém, nunca dependeu de alguém, e Simon desperta sentimentos diferentes, com os quais ela não sabe lidar. Espero que no próximo livro Cassandra Clare resolva dar uma aprofundada nessa questão.

Outra coisa que eu também achei meio estranho, foi como ficou Alec e Magnus, mas é melhor eu nem falar muito, porque seria spoiler.

Agora vamos ao nosso casal 20!

Como sabemos, Jace e Sebastian sumiram. Clary fica desesperada quando a Clave retira a prioridade das buscas por Jace, mas como já conhecemos a peça, ela decide continuar com as buscas. Quando Jace aparece em seu quarto em uma noite após o sumiço, ela percebe que há alguma coisa errada com ele, principalmente porque ele está com Sebastian. No decorrer dos acontecimentos, ela percebe que de alguma forma, Jace e Sebastian estão unidos. Se um sangra, o outro também.

Então ela decide ir junto com Jace por conta própria, mas isso também quer dizer que terá que lidar com a presença constante de Sebastian. E aí é que começa uma odisséia, por assim dizer. O trio passa por diversos países, e Clary sempre tentando encontrar uma maneira de fazer o seu Jace voltar a si. Para os que não entenderam, Jace está subjugado às vontades de Sebastian. O filho de Valentim fez um 'bem bolado', unindo sua vida com a de Jace, mas deixando sua vontade acima do namorado de Clary.

Será que Clary vai conseguir fazer o seu Jace voltar, ou já está além da salvação? Será que há alguma maneira de separar os dois? Contando com uma ajudinha celestial, eles conseguem encontrar uma maneira, mas só funcionará se Jace sua alma for mais boa do que má.
Para quem quiser ver os meus comentários sobre as sequências dos livros, seguem abaixo os links:

  
Beijos,
Mari.

0 recadinhos :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...